[Resenha] Tudo tem um porquê - Marcelo Cezar

tudo-tem-um-porquê-marcelo-cezar
"Berenice é uma mulher frustrada. Casada há cinco anos com Durval, percebe que seu casamento está naufragando. Durval já deu sinais de que vai pedir a separação e, mesmo se quisesse segurar o casamento com uma criança, por exemplo, Berenice não conseguiria, pois é estéril. Desiludida, vai pedir ajuda em um centro espírita e, orientada por uma atendente que também enfrenta problemas no casamento (Ondina), é convidada a permanecer firme no relacionamento e estimulada a não se separar.
Berenice bem que tenta, mas chega um momento em que não suporta mais as idas do marido ao bar, todas as noites. Durval prefere beber com os amigos a ficar em casa, na companhia dela. Instigada por uma vizinha que gosta de Durval (Inês), Berenice, tomada pela impulsividade, numa noite vai tirar satisfações com o marido no bar. Nervosa, durante o bate-boca perde o equilíbrio, escorrega na calçada e morre. No astral, é convidada, como meio de acelerar seu processo de recuperação, a ser “mentora” de Ondina, a mulher do centro, por algum tempo. Ficando ao lado de Ondina e inspirando-lhe bons pensamentos, Berenice irá aprender a ter valor, resgatar a sua autoestima. Afinal, Ondina servirá de espelho para a moça, pois ambas têm um jeito muito parecido de enfrentar a vida."
Classificação:

Uma família repleta de dificuldades

A história se inicia contando sobre o casamento infeliz de Berenice e Durval, onde conhecemos Toninha que é irmã da Berenice e mora com o casal. No próximo capitulo conhecemos outros personagens que a principio não têm relação com os primeiros apresentados. A cada capítulo temos um novo grupo pessoas apresentadas. Achei esse inicio um pouco confuso e me apeguei a algumas histórias muito mais do que outras. E justamente esse apego foi o me impulsionou a continuar a leitura.

Um livro com diversas personagens

Não consegui apontar protagonistas dessa trama que aos poucos foi se amarrando e mostrando qual a ligação de todos os personagens entre si. Fazia muito tempo que não lia um livro com tanta gente e não foi um ponto que me conquistou, pois me apeguei de fato a poucos personagens.

Reflexões sobre espiritismo

O que eu achei muito interessante foi a forma que o autor incluiu lições sobre o espiritismos de forma a trazer clareza para o leitor que não é ligado ao tema. Eu por exemplo esclareci algumas ideias sobre essa pratica. E por incrível que pareça poucos dias antes de iniciar a leitura conversei com uma amiga sobre espiritismo. Posso afirmar que tem lições que levarei para vida e me fizeram refletir sobre a forma em que estou trilhando meu caminho.
Pela história de fato não fui fisgada, tanto pela quantidade de personagens, quanto pelas diversas voltas e algumas previsibilidades.  Mas as reflexões me prenderam tanto que ainda não saíram da minha cabeça. Então dou 04 estrelas para um livro que me fez parar e pensar sobre vários aspectos da vida.  

Postagem feita por:

Oi eu sou a Carol Cadiz, tenho 22 anos e estudo jornalismo. Letras e textos me encantam. Sou leitora compulsiva e com muitas histórias começadas sem o seu gran finale. 
Fugindo da parte literária, sou uma pessoa extremamente musical. Tudo o que vou fazer tem que ter uma trilha sonora. Gosto de todo tipo de música ainda mais se for uma banda que poucas pessoas conhecem. O desconhecido me encanta, o fato de poder apresentar para alguém algo novo é divino. 

12 comentários:

  1. Interessante o livro, tem uma abordagem bem bacana e parece ser uma boa leitura.

    Beijos
    http://www.pimentadeacucar.com

    ResponderExcluir
  2. Parece ser muito interessante!

    Kiss, Mariana Dezolt
    Messy Hair, Don’t Care

    ResponderExcluir
  3. Fale-me mais sobre Berenice, gente!
    Achei fantástica a maneira de como
    você narra o fato.

    Tô esperando, hein, Paloma.

    Beijos,

    silvioafonso



    .

    ResponderExcluir
  4. Eu não sei se falar de filme é
    profissão ou se o faz pelo prazer
    da narrativa, mas, qualquer que
    seja a sua resposta não tira
    de mim o desejo de perguntar; você
    já assistiu ao filme; "Perfume da me-
    mória",
    de Oswaldo Monte Negro?
    Eu nunca, juro, assisti um filme
    mais de uma vez a não ser este que,
    sobre maneira teria me levado às
    lágrimas se eu não fosse o cara
    "machão" que acho que "sou". (risos)

    Beijos e, bombons com licor para
    você e seus leitores.

    silvioafonso



    .

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia esse livro mas achei interessante. :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderExcluir
  6. Gostei muito :)

    Já sigo o blog, beijinho
    http://carolinarodi.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  7. Esse livro parece super interessante. Fiquei bem curiosa!

    Beijo!
    Cores do Vício

    ResponderExcluir
  8. Parabéns pela resenha Carol! Já li Tudo Tem Um Porquê e curti bastante. Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  9. Oi Carol,
    Eu também gosto de ler livros com diversas personagens. Principalmente por que isso me leva a continuar lendo para entender as ligações entre elas. Ao mesmo tempo, a parte das personagens com quem eu não me apeguei muito fica massante para mim. (risos)
    É uma pena você não ter gostado tanto assim da leitura. Que bom que conseguiu tirar do livro diversas reflexões.
    Beijos!
    Nerd Fox

    ResponderExcluir
  10. Eu gosto muito de tema espírita, me interessei pela leitura, mas os muitos personagens acho que também me deixaria confusa.
    Charme-se

    ResponderExcluir
  11. Boa noite,


    Não conhecia o livro, mas confesso que não faz o meu gênero.....bjs.


    http://devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.